quarta-feira, 31 de agosto de 2011

MUDARAM O NOME-novo


                 MUDARAM  O  NOME!

Antes  de  tudo,  Bíblia  é  um  titulo  cujo  significado é coleção  de  biblos,  e que  é traduzido por  coleção  de  livros.
Daí    se  nota  que  o  nome não  tem  nada  a ver  com inspiração  divina.
As Escrituras  Sagradas  hebraicas,  a Tanakh  e  a  briyt hadashah=originais=  sim!  são  palavras  inspiradas  de  YHWH=Yahweh  o Eterno  Criador.   Só que  elas  foram  traduzidas  primeiro para  o  grego  versão  dos  70 no século 3ºantes  do  mashiach;  e daí  para  o  latim  no século 4º=vulgata latina  de   Jerônimo;  ficando  sob  o  domínio  de Roma cerca de 1600  anos  sendo  corrompidas. Sobre  isso lemos  na "Enciclopédia  Britânica  1974/79-vol 10-pg 126,  o seguinte; a doutrina se desenvolveu  gradativamente  através  de  vários séculos. E passando  por  muitas  controvérsias;  inicialmente  por  duas  razões, a exigência  do  monoteísmo  herdado do  Velho  testamento, e a implicação  pela  necessidade  de  interpretar  os  ensinos  da  Bíblia  para  o mundo  greco-romano. Todas  as traduções  de  bíblias  do mundo  saíram da  vulgata  latina.
Na  língua  portuguesa  foram  todas  traduzidas  por padres  católicos e  tem  cerca  de apenas 330  anos;  A professora  de  hist-antiga da  univ- de   sp ,Maria Luiza  Corassim  disse  na  rev-sup-interessante-editora  Abril...do  século II  ao XV,  as  cópias  dos  livros  sagrados    estavam  no  conventos,  eles  agregavam  o  que  queriam; sabiam?  Se  não sabiam  é  bom  examinar...examinai  a  Escritura,  não  é examinai  a Bíblia. O  anjo  disse  ao  profeta  Danyahu=Daniel  que  surgiria  um  poder  que...mudaria  os  tempos  e a lei...e  que  faria  isso  e prosperaria; Daniel 7,21-29.  e  8,10-15.  Foi exatamente  o  que  Roma  fez,  mudou  inclusive o  nome  do  salvador  hebreu  de Yahshuah hamashiach, cujo  significado é Yahweh é  Salvação; substituindo-o;  por  um  nome  greco-romano Jesus  cristo
com  significado  de  deus  cavalo=deus porco,  durma-se  com  um  barulho desses .
 Deus  nunca  foi  o  nome  ou  titulo  do  Criador  Eterno. È  apenas  um  adjetivo de  qualidade inclusive  com ramificação  gramatical de Zeus  deus  maior da mitologia  grega. E Jesus significa "Deus cavalo";
O nome Jesus foi dado em homenagem aos deuses pagãos o grego Zeus, o romano Júpiter e o
A  Bíblia de  Jerusalém  traduz em  todo  o  Velho Testamento,  o  nome  do  Eterno  como ”YAHWEH” e  a Bíblia  Judaica Completa  de  Davi  H.  Stern,   registra o  prefixo Yah  do  nome  Yahweh,  14  vezes  na  Tanakh.
YAH---------Salmos       68,4,18;
YAH---------SALMOS   118,14,17,18,19.
YAH---------SALMOS   94,12.
YAH---------SALMOS    130,3.
YAH---------SALMOS   135,4.
YAH----------SALMOS  77,11.
YAH----------SALMOS  150,6.
YAH----------SALMOS   102,18.
YAH----------SALMOS    115,  17,18
O nome do eterno na sua forma plena.
.....................Yahweh (Yarrueh)=forma plena
.....................Yahu=forma trilitera
......................Yah=f orma bilitera.
Portanto, o nome do filho Yahshuah tem em sí o
significado pleno de" Yah+Shuah=Yahweh é Salvação.
Yah prefixo do nome do pai Yahweh, Shuah=Salvação.
Por falta de uma melhor informação formaram
os grupos....de Yahweh.
........................Yahu.
........................Yah.
1. O bispo católico Jerônimo por ordem do papa Damaso foi quem primeiro introduziu o nome Jesus na Bíblia;
2. Jesus significa "Deus cavalo";
3. O nome Jesus foi dado em homenagem aos deuses pagãos o grego Zeus, o romano Júpiter e o deus celta Esus;
4. O  nome Jesus somado daria 666;
Iesvs  Cristvs   Filii  Dei=Jesus Cristo Filho de Deus
6+106+53+501=666;

Como e porque foi criado o termo pagão "Jesus"
O termo Jesus só surgiu no século XV para XVI, porque antes não havia a letra J no alfabeto latino, antes da criação do J, Jesus usava-se o termo Iesus com I. Porém, o termo Iesus foi criado em Roma no século IV, para mascarar a identidade histórica de Yahushua e transformá-lo num Deus sol redentor.

A falsa versão oficial ocidental romana, diz que o termo Jesus é de origem hebraica, porém trata-se de mais uma mentira a qual você pode anotar em seu caderninho. O nome Iesus foi criado a partir de parte do nome original (Yehushua) com
o sufixo US em latim que esta presente no nome de todos os Deuses solares, compare:

Jesus, Tammus, Zeus, Dionnisius, Baccus, Horus, Deus, e muitos outros.

Cristianismo Romano é o própio mitrianismo com um novo nome.
Todos os ritos do cristianismo romano vem do paganismo astrológico, em especial do mitrianismo que era o sol invictus oficial antes do sol invictus cristão no século IV. O mitrianismo foi a  religião  conhecida  no  mundo  antigo  pagão,  por zoroastrismo e foi levada a Roma por soldados bárbaros que  invadiram o império.

Era uma religião de clero, onde o cargo máximo era chamado curiosamente em latim de Papa. Mitra é um Deus que existe a  MAIS  DE  4.000 anos, porém sua forma final como um Deus sol, surgiu dentre
os anos 300 A E M  a 200 A, E M.
Se todos nós procurássemos aprender mais e ensinar menos; seguindo o sábio conselho de Ya´akov (Tiago)...não quereis muitos de vós ser mestres...não se teria tanta confusão, numa questão relativamente simples. Infelizmente nós brasileiros temos este fraco; gostamos muito de ensinar as coisas sem te-las aprendido, o que é muito grave.Shalom a todos os que amam o Mashiach com um coração sincero.

Ivonil   ferreira  de  carvalho.......jatai...go

O DILUVIO


O  DILUVIO  REGIONAL



           "BERESHET(GENESIS) 6"



A função  do  dilúvio  era   destruir  os  homens não  os  animais  e  vegetais!  Daí  ele   ter  sido  somente  no  mundo  habitado  da época  ali no  bojo  do  oriente;  já que  os homens  começaram  a  espalhar  na  terra  depois  da  torre  de  babel; Bereshyt=Genesis 11. E  também  o  tamanho  da  arca que  Noahc=Noé  construiu...150  mts  de  comprimento;   25  de largura,  e  15  de  altura; Com   uma  área  total   nos  3 pisos de  cerca de  9250 m2 e um  volume  total  de  43150  m2 aproximadamente; o  que  a torna  proxima as enbarcações  atuais. Bereshyt= Genesis  6. Não  caberia  nem  a  décima  parte  dos  animais  terrestres  que  haviam  no  oriente,  quanto  mais  no  mundo  todo;  Portanto não è  racional    essa  idéia,  do  Dilúvio  global; Bereshyt=Genesis  diz  que  ...arca  pousou  no  monte  mais  alto  da  terra,  o  Ararat;  Hoje  sabe-se  que  o  monte  mais  alto  do  planeta  terra não  é  Ararat  na  Armenia  e  sim,   o  Everest    no  Himalaia  com  8.848  mil  mts.  E  antes  de tudo deve  ser entendido  o  projeto  criativo de  Yahweh; em  duas  linhas  paralelas  chamadas; Cosmogonia e  antropogonia;






















Cosmogonia,  a origem do cosmos=universo.

Antropogonia,  origem  dos  seres  humanos;

Tanto o vocábulo cosmologia como o vocábulo cosmogonia partilham do mesmo radical grego cosmo, que significa mundo. Enquanto o sufixo logos da cosmologia designa saber ou ciência, o sufixo gon da cosmogonia lhe dá o significado de "Imaginar, produzir, gerar", discernindo daí que enquanto a cosmologia é a ciência que estuda o universo, a cosmogonia é uma das diversas teorias ou explicações que determinada religião ou cultura deu à origem do universo e seus principais fenômenos.

  
Resultado de imagem para diluvio-fotos

                                                                                                "O Diluvio regional  no baixo oriente"

O  Ararat era  sim  o  monte  mais  alto  do  oriente  habitado  daquele  tempo.
Sobre  não  ter  havido  chuva  sobre  a terra  antes  do  dilúvio,  os  amados  não  observaram  direito o  Livro  de Bereshyt=Genesis, que narra  os fatos   da criação. Vamos  conferir  como  está  escrito  lá...toda  a planta  do  campo que  ainda  não estavam  na terra, e toda  a erva  do  campo  que  ainda  não  brotava;  porque  ainda Yahweh  não  tinha  feito  cair a chuva  sobre  aterra...essa  narrativa  aqui é  antes  da  chuva. Sabe-se,  que  a  escrita  bíblica  não  está  em  ordem  cronológica;  foi  organizada  posteriormente pelos  tradutores  tentando  unificar  temas. No  capitulo    versos 11-13, mostra  que  Yahweh  criou  as  plantas  terrestres  no  terceiro  dia.  Isto  é,  fez  chover  e brotar  todas  as  plantas   na  terra.   Pois  sabemos  que   sem a água,  e  a luz solar, não  haveria  a  vegetação. E também não haveria  o  processo  da  fotossíntese  executado  pelas  plantas,  vital  para  a vida  na  Terra.
A fotossíntese é um processo feito pelas plantas para que elas possam conseguir energia para a sobrevivência. Elas absorvem os raios solares e os transformam em alimento. As plantas costumam ser os detentores  da maior quantidade de energia na cadeia alimentar. O equilíbrio da vida está na manutenção das plantas, se não houvesse a fotossíntese, não haveria energia necessária para os seres vivos  na  Terra.

Resultado de imagem para monte ararat arca de noé 2012

"O Monte Ararat é tido como o lugar onde aArca de Noé repousou após o fim do grande dilúvio, como contado no livro de Gênesis. Ponto culminante da Turquia, o monte fica perto das fronteiras do país com o Irã e a Armênia. Seu ponto mais alto fica a 5.165 metros do nível do mar."

E a fotossíntese pode ser considerada como um dos processos biológicos mais importantes na Terra. Por liberar oxigênio e consumir dióxido de  carbono, a fotossíntese transformou o mundo no ambiente habitável que conhecemos hoje.  (o  que  antes  da  criação  das  plantas no  terceiro  dia  era impossível)De uma forma direta ou indireta, a fotossíntese supre todas as nossas necessidades
A importância da fotossíntese para a vida na Terra é enorme. A fotossíntese é o principal processo de transformação de energia na biosfera. E é  graças as  plantas  que temos  condições  para  respirar,    que  durante a  fotossintese  elas absorvem  CO2 e o  transforma  em oxigênio.  
Ao alimentarmo-nos, parte das substâncias orgânicas, produzidas graças à fotossíntese, entram na nossa constituição celular, enquanto outras (os nutrientes energéticos) fornecem a energia necessária às nossas funções vitais, como o crescimento e a reprodução. Além do mais, ela nos fornece oxigênio para a respiração.A importância da fotossíntese para a vida na Terra é enorme. A fotossíntese é o principal processo de transformação de energia na biosfera. Ao alimentarmo-nos, parte das substâncias orgânicas, produzidas graças à fotossíntese, entram na nossa constituição celular, enquanto outras (os nutrientes energéticos) fornecem a energia necessária às nossas funções vitais, como o crescimento e a reprodução. Além do mais, ela nos fornece oxigênio para a respiração.

 Um modelo tridimensional que mostra os dois picos. (NASA

O ponto de compensação acontece para manter o sistema fotossintético ativo, dissipando parte da energia luminosa recebida pela planta, permitindo sua sobrevivência nestas condições estressantes.Tudo isto se pode verificar nos ecossistemas existentes na Terra. É  evidente  que  o processo  da  criação foi  evolutivo;  Pois  sendo as  plantas  criadas  no  terceiro  dia,  a  fotossíntese  foi  transformando a energia  na  biosfera,  até chegar  num  ponto  de  perfeita  harmonia  para  toda  a  espécie  de  vida  animal na Terra. Já  que  foi  a partir  do    dia  da  criação  que  foram  criados  os  animais  terrestres,  culminando  com  os  seres  humano  no    dia.  Esse é um  mini-raciocinio   bíblico  e cientifico  sobre  o  dilúvio.

Ficheiro:Joseph Anton Koch 006.jpg
o sacrificio  de Noach=Noe,  depois  do Diluvio e  a aliança  do arco-da  bryt  de Yawesh....


ivonil ferreira  de  carvalho....jatai-go...literaturas  vitorias  de um principe"

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

O MASHYAH COMO O RIO DA VIDA-novo




                                         O MASHYAH COMO O RIO DA VIDA





"E o anjo me mostrou o rio da água da
Vida, brilhante como cristal fluindo
  Do trono de Yahveh  e
 do cordeiro Mashyah" Apo, 22,1"

Então o anjo me mostrou o rio da água da vida brilhante como cristal, fluindo do trono de "Yahveh" e do Mashyah; Revelação 22, 1,2.
O rio da vida é figurativo, ele é a palavra, o verbo-Cordeiro-o Mashyah revelado nas Escrituras Sagradas. Que na realidade é... a fonte das águas vivas-mayim hayim-Yarmiahu (Jeremias)2,13.
Certa ocasião numa festa "Hoshana Rabbah" (festa das Barracas) dos y´hudim (judeus)... o Mashyah levantou e disse em alta voz, se alguém tem sede, venha a mim a beba! Quem crer em mim como diz a Escritura rios de água viva correrá do seu interior; Y´hanan (João) 7, 37,38. Para a mulher de S`honrom (Samaria) Yahshuah disse... a água viva que eu lhe der...se tornará uma fonte de água...jorrando para a vida eterna; Y`hanam (João) 4,14,15.
Os profetas antigos falaram largamente sobre o Mashyah em símbolo de água viva... E será aquele varão "Mashyah" como ribeiros de águas em lugares secos...E a terra seca se transformará em tanques, e a terra sedenta em mananciais de águas...abrirei rios em lugares altos, e fontes no meio dos vales, tornarei o deserto em tanques de águas...águas arrebentarão no deserto e ribeiros no ermo; E...naquele dia correrão de Y´hshalaym (Jerusalém) águas vivas...e haverá uma fonte aberta para os habitantes de Y´hshalaym , contra o pecado e contra a impureza...e vós com alegria tirareis águas das fontes da salvação; Yasha´yahu (Isaias) 12,3. E 32,2. E 35, 6,7. e 41,18. e
Z´kharyah (Zacarias) 13,1; e 14,18.



No capítulo 47 de Yachezk´yahu (Ezequiel). Encontra-se uma ilustração precisa do Mashyah em símbolo do rio da água da vida. E. saiu um homem para o oriente, tendo na mão um cordel de medir, e mediu mil côvados...e me fez passar por águas, que me davam pelos tornozelos. E mediu mais mil côvados e me fez passar por águas que me davam pelos joelhos; e mediu mais mil côvados e me fez passar por águas que me davam pelos lombos. E mediu mais mil côvados, e era... já...um ribeiro que eu não podia atravessar, porque as águas eram profundas, águas que se deviam passar a nado



"Yahshuah no poço com a samaritana"

Nota-se, que, a cada mil côvados que se mediam, as águas subiam gradativamente. O Malak (Anjo) mediu quatro vezes mil côvados, dando um total de quatro mil côvados.
Representando quatro períodos ou quatro milênios que veio de Adamak (Adão) até o Mashyah.
Os primeiros mil côvados mostram o período que veio de Adamak à Avraham (Abraão), que foi o primeiro a receber as promessas do Mashyah de Yahveh "o rio da água da vida". as promessas foram feitas a Avraham (Abraão)... e a sua posteridade que é o Mashyah; Gálatas 3,16.
Por isto as águas simbólicas da primeira medida dar apenas nos tornozelos. Era apenas a primeira promessa do ribeiro que se tornaria no grande "rio da vida".
Na segunda medida que o Malach fez, as águas subiram para os joelhos; representando de Avraham (Abraão) até Mehshuah (Moisés). As águas da vida subiram mais com a Torah dada a Mehshuah (moisés) no Sinai.
e a segunda promessa do rio da vida “Mashyah" dada por Yahveh o Ulhim dos hebreus... Yahveh teu Ulhim despertará um profeta do meio de ti e de teus irmãos (hebreus)...a ele ouvireis; D`ewaryn (Deut-) 18,5,18.
A terceira medida ilustra de Mehshuah a Davi, quando as promessas do grande ribeiro de águas vivas aumentaram muito com as profecias a respeito do Mashyah; nos lindos Tehilim (Salmos) do rei Davi.
A quarta medida de mil côvados indicava a última etapa, de Davi ao Yahshuah Hamashyah... o manancial de águas vivas; Y`hmyahu (Jeremias) 2,13. Ou seja; o rio que ninguém podia atravessar.
Este grande rio ilustrando a palavra da vida estaria correndo em todas as partes do planeta Terra durante "as sete eras da Kehilah (Igreja) do Mashyah" Quando Yahveh... Dividiu este rio em sete correntes; ( de Éfeso a Laodiceia) Y´shayahu (Isaias) 11,15. Sarando os povos escolhidos e preparando-os, para a vida eterna.
Através do seu profeta, Yahveh afirma... então espalharei água pura sobre vós, e ficareis purificados...Yachezk´yahu (Ezequiel) 36,25. Mais tarde o Mashyah declarou aos seus Talmidim (Discípulos)... vós já estais limpos pela palavra; Y´hanan (João) 15,3. E Shaúl HaShaliac (Apostolo Paulo) revela que o. Mashyah purifica seu povo com a lavagem da água pela palavra; Efésios 5,26. No Tehillim (Salmos) 46,4. diz que... há um rio-da vida-cujas correntes alegram a cidade de Yahveh (Y´hshalaym celeste).


As Escrituras Sagradas falam também de outro rio. Então a serpente fez jorrar da sua boca água como um rio, para alcançar a mulher e arrastá-la pela correnteza; Revelação 12,15.
Este rio é da água da morte "o rio de Babilônia" e tem jorrado como uma grande correnteza durante mais de mil anos. Criando mitos, Dogmas religiosos e superstições de toda espécie na face da Terra. É o famoso vinho que sai do cálice da mãe "Babilônia" e que através de suas filhas, Ela tem verdadeiramente... embriagado os habitantes da terra com o vinho da sua prostituição. Revelação cap.-17.



Ivonil  Ferreira  de Carvalho-jatai-go-1989...literaturas  vitorias  de um princepe.