sábado, 6 de maio de 2017

O CALENDARIO ESTÁ NO SHAMAYM (CÉUS) LINDO!-NOVO

á vimos que o Calendário das Escrituras é totalmente diferente do calendário do  papa Gregório XIII .



O Shabat é um tempo, e para marcar o tempo o Criador fez um sistema perfeito e imutável, que foi detalhado nas Escrituras e confirmado escrituristicamente, historicamente, astronomicamente, e nos escritos proféticos.


Gênesis 1: 14 a 18:

Só que não podemos falar sobre o shabat ignorando a  Lua Nova. As Escrituras estão repletas destas informações, vejamos:

Sabemos sem sombra de dúvida que o povo Yahudim celebrava a lua nova semelhante ao shabat. Neste dia as ofertas específicas eram trazidas ao templo, em tempo determinado.

Sopravam-se as trombetas de prata vem como os shofares. Era um dia para se reunir as famílias em festa.


Tocai a trombeta na lua nova, no tempo apontado da nossa solenidade.
Porque isto era um estatuto para Israel, e uma lei de YHWH de Jacó.
Salmos 81:3-4


E isto segundo a ordem de cada dia, fazendo ofertas conforme o mandamento de Moisés, nos sábados e nas luas novas, e nas solenidades, três vezes no ano; na festa dos pães ázimos, na festa das semanas, e na festa das tendas. 2 Crônicas 8:13


A lua nova também era um dia de descanso onde não se comercializava:

Dizendo: Quando passará a lua nova, para vendermos o grão, e o sábado, para abrirmos os celeiros de trigo, diminuindo o efa, e aumentando o siclo, e procedendo dolosamente com balanças enganosas, Amós 8:5

Era um dia em que o povo a semelhança do shabat iria ver o profeta:

E disse ele: Por que vais a ele hoje? Não é lua nova nem sábado. E ela disse: Tudo vai bem. 2 Reis 4:23

Donde se deduz que a lua nova a semelhança do shabat não era um dia de trabalho:

Eis que estou para edificar uma casa ao nome do Senhor meu YHWH, para lhe consagrar, para queimar perante ele incenso aromático, e para a apresentação contínua do pão da proposição, para os holocaustos da manhã e da tarde, nos sábados e nas luas novas, e nas festividades do Senhor nosso YHWH; o que é obrigação perpétua de Israel.2 Crônicas 2:4

E depois disto o holocausto contínuo, e os das luas novas e de todas as solenidades consagradas ao Senhor; como também de qualquer que oferecia oferta voluntária ao Senhor; Esdras 3:5

Lua Nova era um dia de adoração:

Assim diz o  Yahveh: A porta do átrio interior que dá para o oriente, estará fechada durante os seis dias que são de trabalho; mas no dia de sábado ela se abrirá; também no dia da lua nova se abrirá. Ezequiel 46:1
E o povo da terra adorará à entrada da mesma porta, nos sábados e nas luas novas, diante do Senhor. Ezequiel 46:3


Costumeiramente o shabat estava vinculado ao dia de lua nova na Escritura.

Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembléias; não posso suportar iniqüidade, nem mesmo a reunião solene. Isaías 1:13

É comum os pastores e teólogos darem a explicação que ela já não é mais observada por causa do seguinte verso:

Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembleias; não posso suportar iniquidade, nem mesmo a reunião solene. Isaías 1:13

E farei cessar todo o seu gozo, as suas festas, as suas luas novas, e os seus sábados, e todas as suas festividades. Oséias 2:11

Um dia em família com refeição especial:

E disse-lhe Jônatas: Amanhã é a lua nova, e não te acharão no teu lugar, pois o teu assento se achará vazio. 1 Samuel 20:18
Escondeu-se, pois, Davi no campo; e, sendo a lua nova, assentou-se o rei para comer pão. 1 Samuel 20:24
Usam também:


Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembleias; não posso suportar iniquidade, nem mesmo a reunião solene. Isaías 1:13

E farei cessar todo o seu gozo, as suas festas, as suas luas novas, e os seus sábados, e todas as suas festividades. Oséias 2:11
Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados, Colossenses 2:16
Esta passagem tem sido mal interpretada por séculos, pois não fala contra a observância da lua  nova, muito ao contrário Paulo diz quer não devemos julgar a ninguém por observar estas solenidades de YHWH, pois elas são sombras das coisas futuras do corpo do Messias...

Em suma:

Lua nova ou Rosch Chodesh era:

1.      Dia de adoração a YHWH
2.      Dia que se consultavam os profetas
3.      Um dia que não se compra ou vende
4.      Um dia em família em que se celebra com uma refeição especial

O que o shabat tem a ver com a lua? 

Designou a lua para marcar o tempo; o sol conhece o seu ocaso. Salmos 104:19

Astronomicamente como a lua se comporta no céu? Que tempo a lua marca? Vejamos:
E nos princípios dos vossos meses oferecereis em holocausto ao Senhor......este é o holocausto da lua nova de cada mês, segundo os meses do ano. Números 28:11 e 14


Então temos o seguinte calendário:

Sete dias oferecereis ofertas queimadas ao Senhor; ao oitavo  dia tereis santa convocação, e oferecereis ofertas queimadas ao Senhor; dia de proibição é, nenhum trabalho servil fareis .Levítico 23:36
Porém aos quinze  dias do mês sétimo, quando tiverdes recolhido do fruto da terra, celebrareis a festa do Senhor por sete dias; No, primeiro dia haverá descanso  e no oitavo vo dia haverá descanso.Levítico 23:39
Como todos os meses começavam com a lua nova
 podemos usar este modelo para todos os meses
E aos quinze dias do mesmo mês haverá festa; sete dias se comerão pães ázimos. No primeiro dia haverá  santa convocação,  primeiro dia haverá santa convocação; nenhum trabalho servil fareis; Números 28:17-18
Semelhantemente, aos quinze   dias deste sétimo mês tereis santa convocação nenhum trabalho servil fareis;  mas sete dias celebrareis festa ao Senhor.Números 29:12
No oitavo dia tereis dia de solenidade; nenhum trabalho servil fareis;Números 29:35
Vemos claramente aqui os shabat entre os sete dias da festa,  bem separados “santa convocação nenhum trabalho servil fareis;” ... Dias  (15) quinze e o dia ( 8) oitavo dia...

No caso da saída do Egito, ela foi feita dia 15 a noite.
Guarda o mês de Abibe, e celebra a páscoa ao SENHOR teu YHWH; porque no mês de Abibe o SENHOR teu YHWH te tirou do Egito, de noite. Deuteronômio 16:1

Ou seja depois do por do sol a exemplo de Êxodo 16 “ao crepúsculo a tarde comereis carne” depois do por do sol.

Muito simples e claro também!

De Mara o povo foi para Elim, onde encontrou "doze fontes de água e setenta palmeiras". Ali permaneceram vários dias antes de entrarem no deserto de Sim. Quando fez um mês que se achavam ausentes do Egito, fizeram seu PRIMEIRO ACAMPAMENTO NO DESERTO. Patriarcas e Profetas pg. 203 – “Do mar Vermelho  ao Sinai”

Dia 15 quinze – eles  “ACAMPARAM “ – ou seja  DESCANSARAM CONFORME O MANDAMENTO!!!

 O maná:

 Porque quarenta anos andaram os filhos de Israel pelo deserto...Josué 5:6

Estando, pois, os filhos de Israel acampados em Gilgal, celebraram a páscoa no dia catorze do mês, à tarde, nas campinas de Jericó.

E, ao outro dia (dia 15 shabat)  depois da páscoa, nesse mesmo dia, comeram, do fruto da terra, pães ázimos e espigas tostadas.



E cessou o maná no dia seguinte, (dia 16 primeiro dia da semana) depois que comeram do fruto da terra, e os filhos de Israel não tiveram mais maná; porém, no mesmo ano comeram dos frutos da terra de Canaã. Josué 5:10-12


A questão do maná é a minha predileta, aí vemos mais claro do que nunca a questão do shabat dia 15 (logicamente  o maná não caiu dia 15 – por ser shabat ... e consequentemente  cessou no dia 16 do primeiro mês :

Ø  Dia 14 -  o sexto dia comeram o maná em dobro
Ø  Dia 15 – o shabat – comeram o maná que haviam colhido no dia anterior
Ø  Dia 16 – o Primeiro dia onde o maná costumeiramente cairia – não caiu mais.

O caso mais típico é a morte do Salvador na páscoa  DIA 14 DO PRIMEIRO MÊS, um dia de PREPARAÇÃO... O dia que o Salvador ficou na tumba e descansou foi evidentemente um SAHBAT DIA 15 QUINZE!!!!



Aqueles símbolos se cumpriram, não somente quanto ao acontecimento mas também quanto ao tempo. No dia catorze do primeiro mês judaico, no mesmo dia e mês em que, durante quinze longos séculos, o cordeiro pascal havia sido morto, o Salvador, tendo comido a Páscoa com os discípulos, instituiu a solenidade que deveria comemorar Sua própria morte como o "Cordeiro de YHWH que tira o pecado do mundo". Naquela mesma noite Ele foi tomado por mãos ímpias, para ser crucificado e morto. E, como o antítipo dos molhos que eram agitados, nosso Senhor ressurgiu dentre os mortos ao terceiro dia, como - "as primícias dos que dormem" (I Cor. 15:20), exemplo de todos os ressuscitados justos, cujo "corpo abatido" será transformado, "para ser conforme o Seu corpo glorioso". Filip. 3:21. O Grande Conflito p. 399

E como estava a lua na morte do Salvador?

 Em companhia dos discípulos, fez o Salvador vagarosamente o caminho para o jardim de Getsêmani. A lua pascoal, clara e cheia, brilhava num céu sem nuvens. ... Ao  aproximarem-se do jardim, os discípulos notaram a mudança que se operara em seu Mestre... O Desejado de Todas as Nações cap. “O Getsêmani.

Como todo o dia 15 (ou seja, 15 dias após a lua nova) a lua estava cheia 

Vamos olhar o céu na criação:

Tocai a trombeta na festa lua nova, (primeira dia) na  lua cheia (dia 15 - shabat) no tempo apontado da nossa solenidade. Porque isto era um estatuto para Israel, e uma lei de YHWH de Jacó. Salmos 81:3-4

A partir da lua nova (primeira crescente) a lua marca as semanas de sete dias sendo uma mudança de fase a cada  sétimo dia. Aí está o Shabat  descanso do Criador! Sinalizado no céu onde ninguém pode mexer!!!


 Designou a lua para as estações;(Moedim) ...Salmos 104:19

Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: As solenidades ;(Moedim)  de YHWH, que convocareis, serão santas convocações; estas são as minhas solenidades: Levítico 23:2

E disse YHWH: Haja luminares na expansão dos céus, para haver separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais e para tempos determinados (Moedim) e para dias e anos.

E sejam para luminares na expansão dos céus, para iluminar a terra; e assim foi.

E fez YHWH os dois grandes luminares: o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; e fez as estrelas...
Gênesis 1:14-17

Moedim - Comemorações perpétuas, fixas de YHWH - Festas e shabat!!!

Quem marca os Moedim? Resp. -  OS LUMINARES!

E acima de tudo é um dia que será lembrado eternamente:



E será que desde uma lua nova até à outra, e desde um sábado até ao outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o YHWH. Isaías 66:23

 SÁBADO

O que fazem hoje os povos?


Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Por que transgredis vós, também, o mandamento de YHWH pela vossa tradição? Mateus 15:3

"Povos pagãos antigos reverenciavam seus deuses, dedicando o dia de Sábado ao deus Saturno, o que originou em inglês a denominação Saturn's day, posteriormente abreviada para Saturday, e no holandês Zaterdag, com o significado de "Dia de Saturno".
Entre os romanos, por exemplo, este dia era dedicado a Saturno, deus da agricultura, e representava um dia de descanso na semana pela boa colheita".
Império Romano considerava o sábado um dia consagrado à Saturno, ao qual atribuem a origem de Roma, construindo-lhe um templo e um altar à entrada Fórum, no Capitólio. Atribui-se ainda a Saturno a criação de divindades como JunoHércules e de heróis como Rómulo.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Sábado
Assim o sábado marca a origem de Roma ...um dia de um calendário solar unicamente, e  como vimos acima é muito diferente do calendário das Escrituras onde a lua não marca nada.
O calendário Gregoriano veio do Juliano que tinha 8 dias semanais marcados com letras de "A" a "H".

“O sol foi universalmente celebrado como o guia e protetor de Constantino”
 (Edward Gibbon, The Decline and Fall of the Roman Empire, Cap. 20, par. 3).


“Depois que o Império Babilônico caiu, todo o sistema de mitologias egípcia e babilônica foi transferido para Pérgamo na Ásia Menor. O Senhor, escrevendo à igreja de Pérgamo, disse: ‘Eu sei as tuas obras, e onde habitas, que é onde está o trono “de Satanás’ (Ap. 2:13)”.


 Todo o sistema foi posteriormente estabelecido em  Roma, na Itália, a terra dos mistérios ocultos, por séculos conhecida como “Terra Satúrnia”. Saturno, também identificado como Jano, era o Grande Mediador e Abridor e Fechador. Seus sacerdotes possuíam as chaves de Jano e Cibele. (Roy Allan Anderson, O Apocalipse Revelado, 145).
A quem vc vai reverenciar?











Diná Soares





Nenhum comentário:

Postar um comentário